domingo, 22 de maio de 2011

Rumer "Carpenter" ?


Adoro vasculhar as prateleiras da Saraiva e da Livraria Cultura atrás de novidades. Nem sempre estou conectada com a enxurrada de novos talentos que chegam ao mercado internacional (e, às vezes, com um certo atraso) ao nacional, daí, porque com tempo de sobra, me perco em meio aos CDs e DVDs expostos nas duas referidas lojas, garimpando novos sons.

Eis que ontem, perambulando pela Saraiva do Salvador Shopping (e que bom que a do Shopping Riomar será inaugurada no final deste mês), à procura do "19" de Adele, encontrei foi esse "Seasons of My Soul" da cantora Rumer. 

Até então, nunca tinha ouvido falar na moça (nascida no Paquistão, de família inglesa), mas fui atraída pela capa simples, com um perfil marcante. Ao ouvir as primeiras frases da canção 'Am I Forgiven', achei que seria mais uma cantora de boa voz e só. Até a música prosseguir e chegar na parte em que ela entoa "...Oh will the sun rise/Like the birds that fly over/rising up through the trees/Will you be there for me?/ Will you belong to me?//

UAU!!!! O timbre da moça se assemelha ao de Karen Carpenter (de quem sou fã) e aí, não tive dúvida: ouvi só mais duas canções 'Come To me High' e 'Slow' (carro-chefe do disco) só para me certificar do bom negócio que estava fazendo e comprei o disco sem pestanejar. 

Não é só porque a voz de Sarah Joyce (nome verdadeiro da cantora) se parece com a de Karen (um ótimo argumento para se ouvir, por sinal) que eu adquiri seu disco de lançamento. Mas porque sinto que essa garota vai longe, assim como Adele.

Seu disco de estreia, lançado no ano passado é bem produzido, conta com bons arranjos. Traz 13 faixas, sendo 10 de sua autoria (três dessas em parceria com o pianista Steve Brown e uma com Greg Churchill), 'It Might Be You' (tema romântico do filme Tootsie) e o sucesso 'Alfie' de Burt Bacharach/Hal David). Aliás, foi o próprio maestro que a convidou para participar de uma festa em sua casa, em Los Angeles e aí, a moça gravou 'Alfie' e 'Some Lovers' primeira inédita do compositor em cinco anos (mas que não consta em "Seasons of My Soul").

De qualquer maneira, o disco é bem equilibrado, as baladas são envolventes e a voz de Rumer...sem comentários. Destaque para as interpretações de 'Alfie', 'Am I Forgiven', 'Slow', 'Come to me High' e 'Aretha' em que presta homenagem à diva Aretha Franklin.

Para ouvir sem parar.
Postar um comentário