quinta-feira, 9 de junho de 2011

II Circuito BNDES Musica Brasilis chega a Sergipe

Depois de se apresentar com sucesso no Rio de Janeiro e em São Paulo, o II Circuito BNDES Musica Brasilis apresenta, a partir de junho, obras raras de arquivos de cidades de Pernambuco, Alagoas, Sergipe, São Paulo e Minas Gerais.

Aqui, no Estado, o circuito contemplará as cidades de São Cristóvão e Itabaiana. Amanhã, a partir das 18h, na Igreja Nossa Senhora Vitória em São Cristóvão acontecerá o concerto realizado pela cravista Rosana Lanzelotte e pelo flautista Ricardo Kanji. Eles executarão obras de Luís Álvares Pinto, José Maurício Nunes Garcia e Carlos Gomes.

Para quem desconhece, o compositor Luís Álvares Pinto (1719-1789) era pernambucano, mas aperfeiçoou sua arte musical em Portugal. Os raros exemplos de sua música pertencem hoje ao Instituto Ricardo Brennand e através das pesquisas de Rosana Lanzelotte, idealizadora e diretora do projeto, o resgate desse repertório tão peculiar.

Já no sábado, às 19h, na Praça Matriz de Itabaiana, haverá apresentação da Banda da Filarmônica Nossa Senhora da Conceição. Serão executadas obras de José Adhemar de Carvalho, Esperidião Noronha, Samuel Pereira de Almeida, Boanerges de Almeida Pinheiro, Jorge Americano Rego e Luiz Americano Rego.

É um verdadeiro apanhado de obras de compositores sergipanos que pertencem ao raro acervo da Filarmônica Nossa Senhora da Conceição, instituição fundada em 1745. As obras manuscritas, cuidadosamente guardadas pelo Maestro Valtenio de Souza, foram editoradas e serão apresentadas pela sua banda nesse evento. As apresentações são gratuitas.

Legenda da foto: O flautista Ricardo Kanji e a cravista Rosana Lanzelotte
Postar um comentário