quinta-feira, 30 de junho de 2011

O Ecletismo de Polayne

A cantora e compositora Patrícia Polayne  faz nova apresentação em Aracaju, no Capitão Cook, neste sábado, a partir das 23h. É a primeira apresentação, na cidade, desde a sua chegada da Europa, onde realizou show na Plaza Fuencarral, integrando a programação do Festival Ten Samba, em Madrid.

Para o repertório deste sábado, Polayne interpretará canções autorais do seu disco “O Circo Singular, As Canções do Exílio” e clássicas releituras dos sons que inspiraram suas composições: The Smiths, Cocteau Twins, Otto e Dona Nadir da Mussuca.
O show, homônimo, já aportou nas seguintes cidades: Aracaju (Projeto Pixinguinha), Salvador (Pelourinho Cultural), Recife (Conexão Vivo e Feira Música Brasil), Belo Horizonte (Conexão Vivo e Feira Música Brasil), São Paulo (Clube Berlim, Projeto Prata da Casa/Sesc Pompéia, Projeto Estéreo Saci/Itaú Cultural).
Polayne canta acompanhada dos músicos Allen Alencar (guitarra),  Dudu Prudente (bateria e sampler), Fabinho Oliveira (contrabaixo), Pedro Mendonça (percussão) e Pedro Yuri (violão, craviola e efeitos).
Em agosto deste ano, a cantora e sua banda partem para uma temporada em São Paulo, onde farão o primeiro show do projeto Rumos para a TV Cultura  e mais uma série de apresentações.

Quem não quiser perder este show, do Cook, os ingressos serão vendidos na hora, ao preço de R$ 10.
Postar um comentário