domingo, 31 de agosto de 2008

Cine Cult com emoção ou sem emoção?

Tarde de sábado. E lá estava eu e mais uma centena de pessoas no Cinemark, assistindo ao filme francês O Papel de Sua Vida (ótimo, por sinal), que faz parte da programação da II Mostra Cine Cult de Cinema Francês, quando no meio da exibição, eis que o alarme de incêndio é acionado.
A projeção parou imediatamente, as luzes se acenderam, mas nada de fogo. Nenhuma fumacinha sequer.
Nem os splitters de água nem a brigada de incêndio entraram em ação, mas mesmo assim, alguns mais precavidos acharam melhor sair da sala. Fiquei tranqüilamente sentada, questionando ao crítico, Ivan Valença, o que estava acontecendo.
Não tínhamos nenhuma resposta concreta, porém não deixávamos de enxergar algo de engraçado por trás daquele fato inusitado. Da mesma forma que tudo começou sem explicação, a projeção voltou ao normal, e terminamos de assitir ao filme muito bem narrado e embalado por uma ótima trilha (tem até Caetano Veloso e Gal Costa dando uma palhinha...) com uma emoção a mais.
Você prefere emoção na vida real ou só na telona??? Vá ao Cinemark e se delicie com os dois tipos, sem pagar um centavo a mais por isso.

Suyene Correia
Postar um comentário