terça-feira, 26 de julho de 2011

Grupo Ponto de Partida se apresenta no TTB


Neste sábado e domingo, às 20h e 18h, respectivamente, um dos grupos de teatro mais renomados de Minas Gerais estará se apresentando no Teatro Tobias Barreto, pelo projeto “Expedições” patrocinado pela Vale.
Trata-se do Grupo Ponto de Partida, sediado em Barbacena, que trará para Aracaju os espetáculos “Ciganos” e “Os Gnomos contam a História do Gato Malhado e da Andorinha Sinhá”, duas montagens das mais celebradas de seu repertório.

Para se ter uma ideia, o texto original de “O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá” foi um presente de aniversário do escritor Jorge Amado ao filho por ocasião de seu primeiro aniversário e conta a história de amor de um gato por uma andorinha e todas as conseqüências que este amor desencadeia. Há 19 anos em cartaz, a versão do Ponto de Partida para teatro repete e reafirma o êxito do livro. 

“Ciganos”, por sua vez, é uma montagem fincada em dois pilares: a força poética e o humor do texto de Bartolomeu Campos de Queirós, que tem a característica mágica dos clássicos e conta a história de um menino, ao mesmo tempo em que reconta capítulos da infância de todos nós. O fascínio e o mistério que se misturam na cultura milenar dos povos ciganos invadem o espetáculo com seus rituais, música e alegria.
Os dois espetáculos já foram apresentaram em várias cidades do Brasil, Europa e América do Sul e agora, os sergipanos terão a oportunidade de conferi-los, no Projeto “Expedições” que tem a produção nacional da Rubim Produções por meio do projeto Teatro em Movimento.

Sobre o grupo- O Ponto de Partida é um grupo de teatro mineiro com 30 anos de atividades, que, além de espetáculos consagrados em diversas cidades do mundo, sistematizou processos e métodos de criação e produção, conquistou parcerias, construiu um repertório de dramaturgia brasileira dos mais consistentes, cunhou uma marca. Tornou-se uma companhia de repertório, itinerante e independente, com 21 profissionais em exercício permanente, 30 espetáculos montados, com apresentações pelo Brasil, África, Europa e América do Sul.

Atualmente, o Ponto de Partida é responsável direto pela formação ou o trabalho de 251 pessoas divididas em seus vários projetos, entre eles a Bituca: Universidade de Música Popular e os Meninos de Araçuaí. 
Os ingressos para os espetáculos podem ser trocados na bilheteria do teatro por um livro de histórias novo ou em bom estado. Os livros arrecadados serão doados para instituição educacional do município, ainda a ser definida, para incentivar a leitura. O horário de funcionamento da bilheteria é de 12 às 20 horas. Telefone: (79) 3179-1490.

Legenda da Foto: Cena do espetáculo "Ciganos" montado pelo Grupo Ponto de Partida (crédito da Foto: Rodrigo Daí)
Postar um comentário