domingo, 31 de janeiro de 2010

Pedro e Inês: uma dupla invejável

Na última sexta-feira, em pleno Ferreiro Grill, apresentaram-me ao casal  Pedro e Inês. Confesso que nunca tinha ouvido falar neles, ainda que pareçam ser famosos no recinto. Inseparável, a dupla chega à mesa, descompromissadamente, apenas apta a ser apreciada.

Descendente de holandeses, ele não nega suas origens. Um tanto pálido e roliço, tem um corpanzil mais avantajado que a esposa e uma pele levemente oleosa. Ela, sempre corada e esguia, contrasta com o companheiro por ser mais caliente, tropical e de personalidade mais flexível.

Manter um diálogo com os dois é tarefa prazerosa. Pena que dure pouco. Pedro nos deixa maravilhados com seu exotismo e sua astúcia está em nos surpreender a cada final de história contada. Paciente e zelosa, Inês não deixa que Pedro se antecipe e o grand finale, fica sob sua responsabilidade. Eles, então, saem de cena silenciosamente.

Depois de poucos minutos de prosa aprazível, a vontade que dá é que um novo encontro aconteça no dia seguinte. Sucessivos dias, melhor dizendo. Quem sabe amanhã, não passarei por lá.

Texto: Suyene Correia

Nota: Quem quiser conhecê-los, basta pedir a um dos garçons que os traga até à mesa

3 comentários:

Fátima Lima disse...

Que texto delicioso... Além disso, fiquei com uma vontade de conhecê-los...

mulher disse...

Interessante o "casal"... Uma pitada de curiosodade invadiu o Bangalô....

fabioalves disse...

Observação 1: não fui citado (kkkk) como testemunha viva, ocular e prazerosa da apresentação a esse casal que, sem dúvidas, deixa saudades a quem o conhece, pelos vários motivos já citados no instigante texto de Suyene e, principalmente destaco, pela modernidade da dupla, que permite que você conheça-a profundamente já à primeira vista e sempre que reencontrá-la. Vale a pena mesmo conhecer "Pedro e Inês", eles são tranquilos e retornam a sua mesa sempre que convocados.

Observação 2:para completar a delícia de ser apresentado o "Pedro e Inês" no Ferrero Grill/Tio Luis, esse casal pode ser mais bem servido, que me desculpem os demais garçons, pelo simpático, atencioso, e profissional garçon Henrique, que faz do seu serviço um exemplo de bem atender aos clientes que aquela casa se dirigem, sem pieguices, prestando sua assistência num momento de lazer do próximo, além de sugerir excelentes opções como foi o caso do da dupla "Pedro e Inês". Ah sim, não podemos esquecer do pastel com queijo do reino na brasa, também sugerido por ele e prontamete aceito e aprovado por nós.

Observação 3: nada disso teria mesmo sido tão destacado e comentado (agora me desculpem Pedro, Inês, Henrique, o pastel na brasa...) se não tivéssemos ao nosso lado, a querida amiga Sueyne, que fez de um encontro totalmente casual, um verdadeiro relax depois de uma semana de muito trabalho. Esse sim o maior destaque!!! Que mais encontros como estes possam acontecer, desafogando-nos da roda-viva da vida. Não deixem de saborear "Pedro e Inês:uma dupla invejável" e que todos possam ter a mesma sorte que eu tive, pode desfrutar esse sabor ao lado de pessoas que amo, minha esposa, meu filho e uma amiga do coração.